Mais Tocadas

Mais Tocadas

Músicas mais tocadas em todas as rádios do Brasil. Veja quais são e ouça as 100 musicas que estão bombando nas rádios esse mês.

Pedimos aos leitores e colaboradores que apontassem quais são as melhores músicas brasileiras de todos os tempos. Mais de 350 músicas foram citadas por 7 mil participantes. Destas, 33 obtiveram mais de 35 votos. São elas: “Águas de Março”, “Como Nossos Pais”, “Alegria, Alegria”, “Felicidade”, “Sampa”, “Aquarela do Brasil”, “Asa Branca”, “Carinhoso”, “Chega de Saudade”, “Desafinado”, “Como Uma Onda”, “Construção”, “Apesar de Você”, “Detalhes”, “Eu Sei Que Vou Te Amar”, “Garota de Ipanema”, “Ideologia”, “Insensatez”, “Inútil”, “Me Chama”, “O Mundo é um Moinho”, “Ouro de Tolo”, “Metamorfose Ambulante”, “Panis et Circenses”, “Pra Não Dizer Que Não Falei Das Flores”, “Primavera”, “Rosa de Hiroshima”, “Sá Marina”, “Travessia”, “Trem das Onze” e “Vapor Barato”.

Músicas mais tocadas no Brasil: Confira agora quais são as melhores músicas mais executadas do momento nos principais meios de divulgação em 2019.

A partir da primeira seleção, foi elaborada uma nova lista com as 15 canções que obtiveram mais citações. Com o objetivo de dar maior amplitude à pesquisa foi adotada como critério a inclusão de apenas uma música por intérprete, já que alguns nomes, baseados na enquete, emplacariam mais de uma canção entre as 15 selecionadas.

Saiba quais são as 100 Músicas Mais Tocadas no Youtube atualmente aqui. São as musicas mais reproduzidas no Youtube na semana anterior.

Discutível como qualquer lista de melhores, esta também não pretende ser abrangente ou definitiva e reflete apenas a opinião dos participantes.

Black Music

Black Music

A Origem Da Black Music. Para que seja possível entender todos os desdobramentos e influências desse movimento cultural, é preciso saber um pouco mais sobre as suas origens. A Black Music americana começou com os escravos, trazidos da África como gado, em navios negreiros para trabalhar a terra e viver uma vida de misérias explorados por seus senhores até a morte. No entanto, seu desejo de viver, de ver um amanhã melhor era tão forte que mesmo enfrentando as mais terríveis situações, estes homens e mulheres ergueram a cabeça e continuaram a brigar pela vida. O Preconceito. Embora a guerra civil americana (1861-1865) tenha libertado os escravos americanos do trabalho forçado, não conseguiu acabar com o preconceito existente, o que fez com que a Black Music ficasse confinada, inicialmente, nos bairros onde moravam os descendentes desses escravos. Entretanto, por estarem livres, essas pessoas agora podiam reunir-se e cantar suas canções. Nos lugares frequentados pelos afro-americanos, esses compositores faziam suas festas e criavam suas melodias. Outros Estilos Musicais. Estilos musicais como o Jazz surgiram assim, de uma mistura de culturas, da junção de estilos da Black Music com os instrumentos harmônicos.

Rap

Rap

História do Rap, a voz das ruas

Por norma, o Rap é cantado por uma dupla, que é composta por um DJ, que é quem fica responsável pelos efeitos sonoros e as mixagens, e por MCs que são os responsáveis pela letra. E por norma, quando o Rap tem uma melodia, ganha o nome de Hip Hop.

História do Rap, esse estilo musical sempre será um dos ritmos mais apreciados por todo o mundo, com uma expressão que caiu no gosto popular, é um termo inglês que tem como significado Rhythm And Poetry que em português significa Ritmo e poesia.

Rap Internacional. A história do rap que teve início entre as classes pobres nos Estados Unidos, mais precisamente entre os anos 70, mas, estudos indicam que bem antes já começava este movimento nos anos 60 na Jamaica.

A Jamaica tem papel fundamental no desenvolvimento do rap, principalmente pelo fato de que na Jamaica foi impulsionado com o surgimento dos equipamentos sonoros, o que ganhava vida com as festas de ruas e guetos do país.

Com o passar dos anos, o Rap ganhou novos cenários e locais onde os bailes eram feitos, um bom exemplo desses locais são alguns galpões e depósitos que eram usados para tal.

Nesses locais era possível contar com presenças de DJ, Mc’s ou mestre de cerimônias, tais personalidades eram denominadas como Toaster.

Forró

Forró

O forró é uma dança popular de origem nordestina. A origem do nome forró tem várias versões, porém a mais aceita é a do folclorista e pesquisador da cultura popular Luiz Câmara Cascudo. Segundo ele, a palavra forró deriva da abreviação de forrobodó, que significa arrasta-pé, confusão, farra.

O Forró é uma festa originária da Região Nordeste do Brasil, bastante popular e comum, especialmente nas festas juninas. O nome da festa forró é usado para nomear distintos gêneros musicais como o xote, baião, arrasta-pé e o xaxado, por isso quem não conhece suas histórias, as confundem com um gênero único.

As músicas são executadas tradicionalmente por trios instrumentais com acordeão (“sanfona”), zabumba e triângulo.

Forró também é um dos gêneros musicais da festa forró, o qual foi criado por Luiz Gonzaga em 1958.

A dança do xote(dois pra lá e dois pra cá) passou a acompanhar as músicas desse novo gênero e a ser chamada de dança do forró.

Os gêneros musicais executados nos forrós, desde a década de 90 também são chamados agrupadamente de forró pé-de-serra.

Conhecido e praticado em todo o Brasil, o forró é especialmente popular nas cidades brasileiras de Caruaru e Campina Grande, que sediam as maiores festas juninas do país.

Funk

Funk

Funk é um gênero musical com ritmo forte e que incita a dança. O funk teve origem nos Estados Unidos nos anos 60, e foi criado através de uma mistura de outros gêneros musicais afro-americanos, como o jazz, blues e soul. Uma das figuras mais reconhecidas do início do funk foi o artista James Brown.

Quais são as principais características do funk?

De fato, as características desse estilo musical são: ritmo sincopado, a densa linha de baixo, uma seção de metais forte e rítmica, além de uma percussão (batida) marcante e dançante. O funk surgiu como uma “mescla” entre os estilos R&B, jazz e soul.

Como se escreve a palavra funk?

Gênero musical de ritmo dançante, intenso e repetitivo, que teve sua origem nos Estados Unidos, a partir da década de 60, sendo resultado da mistura de vários outros gêneros como o soul, jazz e blues. adjetivo Que se pode referir a esse gênero musical ou característico do funk: baile funk, música funk.