R.E.M. entra para o Hall a Fama dos Compositores e se reúne para tocar “Losing My Religion”. Veja!

0

R.E.M. entra para o Hall a Fama dos Compositores e se reúne para tocar “Losing My Religion”. Veja!

Banda chegou ao fim em 2011, 14 anos depois da saída do baterista Bill Berry

– R.E.M. entra para o Hall a Fama dos Compositores e se reúne para tocar “Losing My Religion”. Veja!

Pela primeira vez em 17 anos, a formação original do R.E.M. se reuniu para uma performance ao vivo. Michael Stipe, Peter Buck, Mike Mills e Bill Berry tocaram “Losing My Religion” (1991), o maior sucesso da banda na cerimônia que marcou a entrada dos quatro no Hall da Fama dos Compositores.

A última vez que eles estiveram juntos em um palco para fazer uma apresentação foi em 2007, quando os americanos entraram em outro “Hall a Fama”, o do Rock and Roll.

R.E.M.

Uma das maiores bandas da história do rock, o R.E.M. surgiu em 1980 e anunciou o seu final em 2011, após terem lançado 15 álbuns. Ao contrário do que costuma acontecer, a separação se deu em termos amigáveis – eles costumam dizer que ainda são uma banda, apenas não gravam e nem fazem shows.

O baterista Bill Berry deixou o grupo em 1997. A performance de ontem foi a sexta que ele fez com o ex parceiros nesses quase 30 anos e ela não deve se repetir tão cedo.

Antes da cerimônia, o R.E.M. deu uma entrevista para o programa televisivo CBS Mornings e o jornalista Anthony Mason perguntou sobre as chances de um retorno em definitivo. Todos falaram não e Peter Buck explicou o motivo: “Porque não seria tão bom como antes.”

Veja a performance:

R.E.M. entra para o Hall a Fama dos Compositores e se reúne para tocar “Losing My Religion”. Veja!.


Patrocinado



Comente

Ofertas em Confortáveis

por R$ 99,90
(50% de desconto)
Avalições Positivas!

(50% de desconto)

Kits de utensílios de cozinha

por

Avalições Positivas!

COMPRE AGORA

Guia de Compras - PC Gaming

por

Avalições Positivas!

COMPRE AGORA

Perfume Daisy Edt Marc Jacobs, 100 ml

por R$ 668,90

25 Avalições Positivas!

COMPRE AGORA